Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Junho, 2009

Preview do meu primeiro romance

Fevereiro de 1980.

É o início de mais um ano letivo para os alunos do Colégio Central. De forma lenta e preguiçosa, os jovens adentram o pátio da escola, falando alto e relembrando os bons momentos das férias – agora pertencentes a um passado recente. Rodinhas se formam, velhas amizades são retomadas e alguns pequenos flertes têm início. A algazarra, enfim, é instaurada – pelo menos, até o instante em que o sino ressoa estridente, alertando a todos que é hora de seguir para as salas.

Ao contrário de alguns de seus colegas, Rick não está assim tão desanimado com a volta às aulas. Além da expectativa de ser o último ano do colegial, ele curtiu com muita intensidade seus dois meses de folga no litoral paulista hospedado no apartamento de parentes, fazendo-o esquecer por algum tempo sua paixão pela Cidade da Garoa. Sua personalidade introspectiva sempre preferiu o asfalto e os paralelepípedos das ruas do bairro histórico do Ipiranga às areias da praia do Gonzaga, mas as emoções pelas quai…

Zan-Garr da Valakia

Para estrear a cara nova do Manifesto, nada melhor do que publicar uma história em quadrinho pra lá de movimentada e emocionante, não é mesmo, intrepid one? Na realidade, inauguro mais uma seção batuta do blog, a Première Manifesto – dedicada única e exclusivamente à exibição de HQs de minha autoria. Seja material antigo, novo, pequenos trechos, tiras etc. Embora a plataforma de exibição não seja a ideal para uma leitura virtual, a intenção aqui é apenas a de passar uma noção do projeto, aguçar a curiosidade do leitor, arrancar comentários... Enfim, você entendeu a idéia.

Sobre a aventura a seguir, vale algumas explicações.
"Zan-Garr da Valakia" é uma história curta de apenas quatro páginas, no estilo "Espada-e-Feitiçaria", e foi idealizada por mim há cerca de 10 anos para preencher a parte final de uma revista de RPG.
Os desenhos foram feitos por Marcelo Borba – meu antigo parceiro de produções do selo Fire Comics –, enquanto que a arte-final ficou a cargo de And…

Manifesta, exulta e vai!

Nem sempre desistir é algo depreciativo, sinônimo de fracasso ou derrota. Ainda mais, quando, feito um Pelé – ou Stan Lee, se nós quisermos manter o assunto nos Quadrinhos -, escolhermos o momento exato de parar...

E esta é a hora adequada para Meteoro, o Mascarado Voadorencerrar expediente no mundo das páginas impressas. Após mais de duas décadas de sua concepção original, de várias mudanças de uniformes, de uma nova identidade secreta, selos independentes, editoras, revistas, desenhistas e histórias diversas, Ricardo “Ric” Marinetti, pendura a malha azul-marinho e branca e volta a empunhar sua guitarra, para, quem sabe (?) compor uma doce balada para sua eterna namorada Laura Lopez.
Meteoro surgiu inicialmente da minha necessidade de contar histórias de um adolescente às voltas com superpoderes e todas as “encrencas” inerentes a um sujeitinho de 17 anos. Para dar mais credibilidade à coisa e fugir um pouco da óbvia influência do Homem-Aranha, localizei suas aventuras no Brasil, especi…

Lançamento e despedida

Sábado, 06 de junho de 2009. Nas dependências da loja Comix, localizada em São Paulo City, ocorreu o lançamento do livro Fantasma: A Biografia Oficial do Primeiro Herói Fantasiado dos Quadrinhos (144 páginas, Opera Graphica Editora), escrito pelo professor de Comunicação e grande pesquisador Marco Aurélio Lucchetti, com organização e edição de Franco de Rosa.





Infelizmente, não foi possível a Lucchetti comparecer ao lançamento, mas Franco fez as honras da casa, autografando os exemplares dos fãs e convidados com sua costumeira simpatia e muita criatividade (a cada autógrafo, fazia também um desenho do personagem).



Eu com Giovanni Voltolini (ao fundo), Franco de Rosa e Worney.

Entre os presentes na tarde ensolarada – mas um pouco fria de final de outono –, estavam os jornalistas Gonçalo Junior e Worney Almeida de Souza; o desenhista Primaggio Mantovi; os editores Junior Fonseca (New Pop), e Leonardo Vicente Di Sessa (HQ Maniacs); o distribuidor e entusiasta Giovanni Voltolini; além do pr…

Peter & Gwen: da primeira à última página

Olá, intrepid one! Clique na imagem ao lado para ampliá-la. Você verá que é algo muito bacana!

Publicado originalmente pela EBAL na 2ª capa de Superboy (em cores) 17, de julho de 1972, na verdade, esse texto é um resumo dos acontecimentos que seriam mostrados aos leitores em Almanaque do Homem-Aranha (para 1973) – edição que chegaria às bancas do Brasil dois meses depois.

É nesse almanaque que a morte do Capitão Stacy – importante personagem da mitologia do aracnídeo – foi publicada pela primeira vez no Brasil. Embora o editorial não entregue isso de bandeja (até para não estragar a surpresa da leitura, ora, pois), faz questão de destacar que a trama a ser publicada naquelas páginas é o “ponto alto” das HQs boladas por Stan Lee.

Outra curiosidade é a referência ao Homem de Gelo dos X-Men, batizado pela editora carioca como “Geleira” e classificado então como “um novo personagem”. Well, ou o redator simplesmente ignorou as publicações dos X-Men pela GEP, ou então, esqueceu que a própr…