Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Agosto, 2011

O Quadrinho brasileiro vai vencer!

Se formos levar em conta a profusa produção dos estúdios de Mauricio de Sousa, teremos aqui, um caso de grande sucesso, tanto criativo e profissional, quanto comercial. Aliás, este último aspecto é o que mais se destacou ao longo da carreira de Mauricio, que soube (como poucos neste mundo) transformar seus personagens em marcas registradas de enorme apelo comercial, sem, contudo, perder sua importância cultural. Alguém aí tem coragem de dizer que a Turma da Mônica não se trata de uma legítima HQB? "Ah, mas ele se baseou na Disney, na Luluzinha..." - alguém pode lembrar. E daí? Ou melhor, e por que não?

Quando a Editora Abril começou a editar o Pato Donald no Brasil, lá atrás, em 1950, seu fundador, Victor Civita, sabia muito bem que os Quadrinhos Disney tinham tudo para dar certo por aqui. Que eu saiba, nenhum editor/diretor brasileiro (ou radicado por aqui), tinha em mãos um produto tão popular para começar a tocar sua editora como Civita tinha.

Assim, com certeza, Mauric…